Ponte sobre o rio Caí é interditada por risco de colapso no Rio Grande do Sul

FRANCISCO LIMA NETO
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS)

A ponte sobre o rio Caí, no Rio Grande do Sul, foi totalmente interditada por risco de colapso, neste domingo (12). A ponte é uma via de acesso entre as localidades do interior dos municípios de Nova Petrópolis e Caxias do Sul.

Localizada no km 174 da BR-116, a ponte apresenta fissuras na pista, espaçamento maior entre os apoios da estrutura e risco de queda das pilastras, de acordo com o Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes). O fluxo está impedido para veículos e pedestres.

O bloqueio também ocorre em razão da nova cheia do rio Caí, que está 6 metros acima do nível normal. Técnicos fizeram nova vistoria nesta segunda-feira (13) e constataram que um dos pilares está totalmente comprometido e pode colapsar a qualquer momento.

O trecho está sinalizado e não há previsão de liberação.

As fortes chuvas que atingem o Rio Grande do Sul causaram a morte de mais de 140 pessoas e afetaram ao menos 2 milhões no estado.

O estado tem 60 bloqueios totais e 40 parciais em rodovias estaduais, e 45 bloqueios totais e 12 parciais em rodovias federais nesta segunda. De acordo com a CEEE Equatorial, 142.810 unidades seguem sem energia elétrica, o que corresponde a 7,9% do total de seus clientes. Já a RGE Sul afirmou que 143.200 pontos estão sem eletricidade, o que representa 4,7% do total de seus clientes.

A Corsan disse que 131.057 clientes estão sem abastecimento de água, que são 4% dos clientes. Dois municípios ainda estão sem serviços de telefonia e internet da Tim. Outros dez estão com os serviços da Vivo interrompidos. Os serviços da Claro estão normalizados.

O post Ponte sobre o rio Caí é interditada por risco de colapso no Rio Grande do Sul apareceu primeiro em Jornal de Brasília.

Fonte: Últimas Notícias – Jornal de Brasília

Aqui você pode expressar sua opinião livremente.