Medidas protetivas em baixa

O número de feminicídios no Distrito Federal não aumentou. Pelo contrário, houve um declínio nos últimos meses. Mesmo assim, a senadora brasiliense Leila Barros, oposicionista, encontrou um dado negativo.

“A segurança das vítimas de violência doméstica é sempre urgente, ainda mais quando os números nos mostram, por exemplo, que no Distrito Federal houve um crescimento de 202% nos descumprimentos de medidas protetivas da Lei Maria da Penha, nos últimos cinco anos”, mostrou ela.

Em outras palavras, mesmo quando os crimes não acontecem, o perigo ainda ronda as vítimas potenciais.

O post Medidas protetivas em baixa apareceu primeiro em Jornal de Brasília.

Fonte: Últimas Notícias – Jornal de Brasília

Aqui você pode expressar sua opinião livremente.