Bolsas de Xangai e Shenzhen ficarão fechadas até 2 de fevereiro


Objetivo é ajudar a controlar a proliferação do coronavírus. Autoridades chinesas confirmaram nesta segunda-feira (27) que os mercados financeiros do país também estenderão o feriado do Ano Novo Lunar em uma tentativa de ajudar a controlar a proliferação do coronavírus.
Investidor passa em frente a display de ações em Xangai, China, nesta segunda-feira (6)
Aly Song/Reuters
De acordo com uma matéria do “South China Morning Post”, a bolsa de Xangai, que está fechada desde o dia 23 de janeiro devido ao feriado, só voltará a operar no dia 3 de fevereiro.
Coronavírus: o avanço da doença que já afeta 4 continentes impactará a economia mundial?
A bolsa Shenzhen também adiará a retomada das atividades, de acordo com uma fonte a par do assunto. A bolsa de Hong Kong, porém, disse que voltará a operar no dia 29 de janeiro.
O Conselho Estatal da China estendeu hoje o feriado em dois dias úteis, até o dia 2 de fevereiro.
Fonte: ECONOMIA

Aqui você pode expressar sua opinião livremente.